terça-feira, 20 fevereiro, 2024
terça-feira, 20 fevereiro, 2024

Economista Michele Aracaty recebe Prêmio ‘Construindo o Amazonas’, por sua contribuição na economia e literatura

Em

Homenagear e reconhecer pessoas que estão ajudando a construir a história da região, seja na área da literatura, da arte, da cultura, da economia e apoiando ações desenvolvidas em favor das letras. Essa é a proposta do Prêmio “Construindo o Amazonas”, entregue no último dia 2/12 a personalidades da cidade, como a economista e professora doutora da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Michele Lins Aracaty e Silva.

Pesquisadora e também escritora, Michele ocupa a cadeira de número 71 da Academia de Literatura, Artes e Cultura da Amazônia (Alaca), com vastas obras na área do desenvolvimento regional e da biodiversidade amazônica. Ela recebeu essa homenagem em cerimônia no auditório da Federação do Comércio do Estado do Amazonas (Fecomércio), na rua São Luíz, 555 – Adrianópolis, Zona Centro-Sul.

Idealizador da premiação, o jornalista e escritor Rômulo Sena, presidente da Academia de Literatura, Artes e Cultura da Amazônia (Alaca), destacou que homenagem é uma palavra que define a retribuição de honra e agradecimento por ações e atividades reconhecidas de grande valor. “Queremos homenagear e tornar público a gratidão que temos por várias pessoas da nossa região. Pessoas que ajudam a construir, de alguma forma, a história da cultura, da literatura e da arte amazônica. E a professora Michele é uma dessas pessoas que em muito estão contribuindo com a nossa Amazônia”.

Para Michele Aracaty, é com muita gratidão e alegria que recebe essa premiação tão representativa no contexto da literatura e da Amazônia.

“Recebo com muita alegria o prêmio ‘Construindo o Amazonas’ uma vez que é uma homenagem por indicação. Sou economista, sempre quis ser economista e o reconhecimento pela categoria “Economia” me engrandece como profissional. Agradeço ao idealizador, Rômulo Sena, pela grandiosidade do evento. Estar entre os homenageados é uma honra”, declarou a economista, que mantém seu compromisso de continuar seguindo em frente com suas ações e missão em prol do desenvolvimento regional e dos povos amazônicos.

Para a edição de 2023, foram homenageadas personalidades, dentre profissionais da área da cultura, da literatura, da cultura, da justiça, da economia, da educação, da saúde, da comunicação, dentre outros.

Sobre a homenageada

Ao longo de sua trajetória, Michele Aracaty atuou na área de consultoria econômica e, como docente, na orientação de inúmeros trabalhos de graduação, pós-graduação, mestrado e doutorado, além de projetos de Iniciação Científica e de Extensão.

Esteve no cargo de vice-presidente do Conselho Regional de Economia (Corecon-AM), em 2021, tendo a missão de coordenar o XII Encontro das Entidades de Economistas da Amazônia Legal (Enam). Nesse mesmo ano, foi homenageada com a Cruz do Mérito da Economia, da Câmara Brasileira de Cultura do Amazonas.

É membro da direção da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural (Sober). Em 2022, recebeu premiação do 22º Prêmio Cidade de Manaus, e em agosto deste ano recebeu o Prêmio “Pena de Ouro”, entregue pela Academia de Literatura, Artes e Cultura da Amazônia (Alaca) a algumas personalidades da cidade, dentre seus membros “imortais”.

Compartilhar
Tags

Mais lidas

Recentes

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.