sábado, 20 abril, 2024
sábado, 20 abril, 2024

Janeiro Branco: Turismo em sintonia com a natureza ajuda no equilíbrio emocional 

Em

Desfrutar de belas paisagens naturais, sejam elas cachoeiras, trilhas, florestas, praias, cavernas, pôr do sol e outros ambientes que permitam um contato mais profundo com a fauna e flora são excelentes aliados no cuidado com a saúde mental, que é foco principal da campanha Janeiro Branco, mês dedicado a promoção de hábitos e ambientes saudáveis para a mente. Dentro desse cenário, o Amazonas é cercado por paisagens fascinantes, que permitem a prática do turismo de contemplação, proporcionando experiências transformadoras em sintonia com a natureza. 

“Esse contato com a natureza ajuda no processo de relaxamento que é fundamental para que a gente se reconecte e volte ao eixo”, afirma a médica Silvana Nascimento, especialista em psiquiatria, fundadora e diretora executiva da clínica Pensare Saúde Mental, primeiro hospital-dia da região Norte. 

De acordo com ela, a rotina dos grandes centros urbanos tem contribuído para o aumento dos níveis de estresse da população, o que causa danos à saúde mental, incluindo transtornos como depressão, ansiedade e pânico.

Foto: Janailton Falcão/Tácio Melo

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) apontaram que em 2023, 5,8% dos brasileiros sofreram de depressão, o equivalente a 11,7 milhões de pessoas. Para alertar sobre a importância dos cuidados com a saúde mental da população, o Janeiro Branco, criado em 2014, vem ganhando força para o bem-estar de todos. 

“Ela tem o papel de informar como a população pode se cuidar para a prevenção dessas doenças decorrentes, principalmente, do estresse. A campanha prioriza a saúde mental que engloba também a saúde física, um complementa o outro, buscando encontrar o ponto de equilíbrio”, explica a médica. 

Sintomas 

Os primeiros sinais de alerta do corpo são insônia, irritabilidade, perda de memória e concentração. Já a longo prazo, envolve alteração de colesterol, glicemia, pressão arterial, baixa imunidade, alergias e nos casos mais graves até formação de tumores, além de repercussões mentais, como é o caso da ansiedade e da depressão.

Silvana destaca ainda que o contato com as paisagens naturais é uma das formas mais saudáveis de cuidar da saúde mental e melhorar a qualidade de vida. E apreciar o que há de mais belo no meio ambiente como respirar o ar puro, apreciar os pássaros, banhar-se na cachoeira e outras atividades na natureza é o foco do turismo de contemplação. 

“Já existem pesquisas que indicam que o turismo de contemplação faz muito bem para o corpo e mente, por ser  um momento onde você fica longe de rede social, desconectado da tecnologia e de todo cenário estressor. Então, permita-se viver essa experiência transformadora”, completa a especialista. 

Cercado por belas paisagens naturais, o Amazonas permite a prática proporcionando a imersão nos cheiros e cores da fauna e flora regional, além de incentivar a preservação do meio ambiente. A Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur) indica alguns atrativos turísticos do estado que proporcionam esse cenário.

Praia da Lua

É uma extensão de areia branquinha em formato de meia-lua, águas calmas, uma natureza exuberante e muito verde ao redor. A faixa de areia se transforma conforme a época do ano. 

O acesso é realizado por barco/lancha, partindo da Marina do Davi, todos os dias, das 7h às 18h. A viagem custa R$ 10 por pessoa (R$ 20, ida e volta) e dura cerca de 10 minutos. 

A travessia de lancha é feita pela Cooperativa dos Profissionais de Transporte Fluvial da Marina do Davi (Acamdaf), certificada como agência e transportadora turística pela Amazonastur.

Musa 

A imponente torre de aço do Museu da Amazônia (Musa), com seus 42 metros de altura, 242 degraus e uma base de 81 m², destaca-se majestosamente na floresta, equiparando-se às altas árvores ao seu redor. Suas três plataformas, situadas a 14, 28 e 42 metros de altura, oferecem a cerca de 30 visitantes a oportunidade de observar pássaros e vegetação de forma silenciosa, proporcionando uma experiência única de birdwatching. A prática de observação de aves está disponível por R$60.

A torre funciona de segunda a domingo (exceto quartas-feiras), das 9h às 17h (o portão de entrada do Musa fecha às 16h). Nascer e pôr do sol, observação de aves e visitas em horários especiais devem ser agendados.

Cachoeira de Iracema 

Localizado a 107 quilômetros de Manaus, o município de Presidente Figueiredo é amplamente reconhecido por abrigar mais de 100 cachoeiras. Entre essas maravilhas naturais, destaca-se a Cachoeira de Iracema, situada no Parque Ecológico Iracema Falls. Este parque não só oferece a beleza da Cachoeira de Iracema, mas também inclui a cachoeira das Araras, grutas, trilhas, além de opções de hospedagem em hotel e restaurante. 

Para conhecer o Amazonas 

Para saber mais opções de turismo de contemplação, o visitante pode acessar o Amazonas to Go, que é uma iniciativa do Governo do Amazonas, para auxiliar os turistas a explorar os atrativos turísticos, encontrar hospedagem, obter informações sobre telefones úteis e muito mais.

As agências turísticas autorizadas para conduzir visitas à região podem ser localizadas no site Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur) https://cadastur.turismo.gov.br/ ou acessadas através do chatbot Amazonas to Go, disponível 24 horas, via WhatsApp, pelo número +55 92 9356-8775. Além disso, os QR Codes estão disponíveis em cartazes distribuídos nos principais pontos turísticos do Amazonas.

Compartilhar
Tags

Mais lidas

Recentes

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.