quarta-feira, 29 maio, 2024
quarta-feira, 29 maio, 2024

Olimpíada: chefe de criação renuncia após comentário depreciativo

Em

O chefe de criação da Olimpíada de Tóquio, Hiroshi Sasaki, anunciou sua renúncia ao cargo depois de ter feito um comentário depreciativo sobre uma artista japonesa popular, a polêmica mais recente sobre comentários insensíveis sobre mulheres a atingir os organizadores do evento.

Faltando somente quatro meses para o início da Olimpíada, a saída do diretor-chefe das cerimônias de abertura e encerramento é mais um revés para os Jogos de 2020, que foram adiados por um ano devido à pandemia de covid-19.

O contratempo vem na esteira da renúncia de Yoshiro Mori da presidência do comitê organizador no mês passado depois de comentários sexistas que provocaram revolta.

Sasaki contou ter dito a um grupo de planejamento em uma conversa virtual que Naomi Watanabe poderia desempenhar um papel como “Olimporca”.

“Houve uma expressão muito inadequada em minhas ideias e comentários”, disse Sasaki em um comunicado emitido pelos organizadores dos Jogos nesta quinta-feira. “Peço desculpas sinceras a ela e às pessoas que se sentiram constrangidas por tais conteúdos.”

A renúncia de Sasaki veio rapidamente depois que a revista semanal Shukan Bunshun noticiou ontem (17) seus comentários, o que provocou ondas de choque no Japão.

Watanabe expressou “surpresa” com os comentários.

“Na verdade, estou feliz com o formato do meu corpo”, disse ela em um comunicado publicado no site de sua agência.

“Mas, como ser humano, espero sinceramente que o mundo se torne um lugar divertido e próspero onde possamos respeitar e reconhecer a individualidade e a maneira de pensar de cada indivíduo”, acrescentou.

Compartilhar
Tags

Mais lidas

Recentes

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.