quarta-feira, 17 abril, 2024
quarta-feira, 17 abril, 2024

Peça ‘Dois Irmãos’ concorre em 4 categorias de prêmio nacional de Teatro 

Em

‘Dois Irmãos’ concorre em prêmio nacional de Teatro. Após o sucesso em Manaus, o espetáculo ‘Dois Irmãos’ concorre em quatro categorias do Prêmio Cenym de Teatro Nacional 2023. Inspirada na obra de Milton Hatoum, a peça amazonense leva a assinatura da Menina Miúda Produções Artísticas.

No Prêmio Cenym 2023, o espetáculo concorre nas categorias: 

  • Melhor Atriz Coadjuvante, 
  • Melhor Cenário,
  • Melhor Direção de Arte e
  • Melhor Cartaz e Programação Visual. 

O diretor do espetáculo, Cairo Vasconcelos, celebra as indicações. “É um reconhecimento para toda a equipe que trabalhou incansavelmente no espetáculo ‘Dois Irmãos’. É uma prova do talento e dedicação de todos os envolvidos. Agora, é aguardar a premiação”, disse. 

Indicada na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante, a atriz amazonense Acácia Mié concorre com nomes como Beth Goulart e Olívia Araújo. Na peça ‘Dois Irmãos’, ela interpreta ‘Domingas’, a empregada da casa e mãe de Nael, o narrador-personagem interpretado pelo ator Gabriel Mota. 

O cenógrafo Juca Di Souza concorre nas categorias de Melhor Cenário e Melhor Direção de Arte. Atriz e designer, Thaís Vasconcelos concorre na categoria de Melhor Cartaz e Programação Visual. 

A jornalista Edilene Mafra assina a comunicação estratégica da primeira temporada do espetáculo.

Sinopse

Ambientado na Manaus do século XX, o espetáculo ‘Dois Irmãos’ é inspirado no romance homônimo — de mesmo nome — ‘Dois Irmãos’. Na obra, o escritor amazonense Milton Hatoum retrata os conflitos de uma família.

No centro do romance, estão os gêmeos Yaqub e Omar, que têm uma relação marcada por tensão e rivalidade.

Temporadas

Criado e encenado por amazonenses, o espetáculo apresentou duas temporadas em Manaus, uma em maio e outra em agosto deste ano. 

No elenco da primeira temporada estiveram Amanda Magaiver (Zana); Brenda Amora (Rania); Acácia Mié (Domingas); Junior Victorino (Omar); Beto Monteiro (Yaqub); Wilson do Carmo (Halim) e Gabriel Mota (Nael). Na segunda temporada, Pabi Xavier passou a interpretar Rania. 

Cairo Vasconcelos assina a direção geral do espetáculo. A produção e preparação corporal é de Emília Pontes. 

Dione Maciel assinou o figurino. Viktor Judah foi o produtor musical. A iluminação é de Marcio Braz. A maquiagem e visagismo são de Eugenio Lima. 

Cairo Vasconcelos adiantou que a Menina Miúda Produções Artísticas planeja uma terceira temporada da peça. “Nossa intenção é proporcionar ao público mais oportunidade de se emocionar com a história do espetáculo. Em breve, vamos compartilhar mais detalhes”, afirmou. 

O romance de Milton Hatoum já foi adaptado para TV, em minissérie da Globo; em espetáculo teatral, por profissionais de São Paulo; e em HQ (História em Quadrinhos), pelos quadrinistas paulistanos Fábio Moon e Gabriel Bá.

Foi a primeira vez que o romance ganhou uma peça teatral criada e produzida por amazonenses. A montagem foi possível após o projeto ser contemplado no Prêmio Funarte de Estímulo ao Teatro 2022. As apresentações em Manaus contaram com o apoio da Secretaria de Estado e Economia Criativa do Amazonas (SEC-AM) e da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult). ‘Dois Irmãos’ concorre em prêmio nacional de Teatro.

Compartilhar
Tags

Mais lidas

Recentes

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.