terça-feira, 28 maio, 2024
terça-feira, 28 maio, 2024

Saiba quais são os alimentos que te ajudam na hora de dormir

Em

A pandemia de coronavírus teve um efeito profundo na rotina das pessoas e tornou mais difícil dormir para muitas pessoas — a tal ponto que especialistas criaram até um termo para isso em inglês: coronasomnia. Em português seria algo como “corona-insônia” ou “covid-insônia”. É um fenômeno que atinge pessoas no mundo todo: insônia associada ao aumento do estresse por causa da pandemia de covid-19.

Nada mais natural, portanto, do que buscarmos inúmeras formas de contornarmos a situação. Uma das alternativas mais viáveis, por exemplo, é ficar de olho na alimentação. Você sabia que alguns alimentos ajudam a melhorar o nosso sono? E que já outros são responsáveis por nos manter bem ‘ligados’? Quem explica o assunto é a nutricionista Tássia Frota.

Segundo ela, um estudo recente da Associação Brasileira do Sono afirma que, de cada três brasileiros, pelo menos um tem insônia. Mas, afinal, o que é a insônia? “A insônia é um distúrbio que se caracteriza pela dificuldade de começar a dormir, manter-se dormindo ou acordar antes do horário desejado. A principal causa da insônia são os fatores psicofisiológicos, como: expectativas, preocupações e estresse”, explica a nutricionista.

A principal dica para que a alimentação não afete a qualidade do sono é investir em comidas leves no jantar, ou seja, dar preferência por alimentar que facilitam a digestão, como peixe, salada, legumes, omeletes e sopas.

“Evitar bebidas com cafeína: café, chá mate, chá preto, chá verde, refrigerante e energéticos) pois são estimulantes e devem ser evitadas até 5 horas antes de dormir. O álcool também deve ser evitado, apesar de o primeiro efeito dele ser sedativo, depois de um tempo ele pode provocar agitação. Recomenda-se evitar o consumo de álcool até 6 horas antes de dormir”, acrescentou a especialista.

Nutricionista Tássia Frota

Bom para dormir

Alimentos que ajudam a combater a insônia, como é o caso dos frutos secos, são uma boa fonte de melatonina, um hormônio que é produzido no organismo e que é responsável pela melhora da qualidade do sono. Estes alimentos devem ser incluídos na dieta e ingeridos diariamente para que faça parte do tratamento para dormir melhor indicado pelo médico.

De acordo com Tássia Frota, os principais alimentos que ajudam a combater a insônia são os que contém: triptofano, magnésio, ômega-3 e vitamina D.

“O triptofano favorece a produção de melatonina no organismo, que além de regular o sono é antioxidante e possui efeitos neuroprotetores. Além disso, ajuda produzir a serotonina, induzindo à calma e a sonolência. Alimentos como nozes, amêndoas, kiwi, aveia, leite de arroz são ricos em triptofano”, afirma a médica.

Já o magnésio, por sua vez, diminui os níveis de cortisol ( hormônio do estresse). Além disso, aumenta o GABA ( neurotransmissor que promove o relaxamento e o sono). “O ômega 3 e a Vitamina D são fundamentais para a produção de serotonina (neurotransmissor produzido a partir de um aminoácido, o triptofano, que está relacionado com a regulação do sono e promoção do bom humor)”, conclui a nutricionista.

Compartilhar
Tags

Mais lidas

Recentes

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.