segunda-feira, 27 maio, 2024
segunda-feira, 27 maio, 2024

Vitamina D: quais os seus benefícios para os idosos?

Em

Com o passar do tempo, o corpo, ao chegar na melhor idade, necessita de um apoio diário para continuar trava de maneira adequada. Muitas vezes, a perda de vitaminas e nutrientes pode acarretar algumas doenças, que são comuns no processo do envelhecimento, mas que podem ser evitadas.

Como exemplo podemos citar a relevância da vitamina D no organismo dos idosos, que ajuda na absorção correta do cálcio no intestino, sendo importante, pois fortalece os dentes e ossos, prevenindo doenças como osteoporose, câncer, problemas cardíacos, diabetes e hipertensão.

Geralmente, uma pessoa adulta consegue adquiri-lá, já que ela está presente em alimentos como a carne, frutos do mar, ovo, leite e derivados, fígado e cogumelos, e o próprio corpo pode produzir essa vitamina na pele, por meio da exposição solar, que é indicado durante 15 minutos por dia.

Contudo, existem grupos que não conseguem manter uma alimentação equilibrada e que se expõe pouco aos raios solares, entre eles trabalhadores de escritórios e fábricas, e pessoas acima de 65 anos, que não saem de casa com frequência ou desacompanhadas. Esse fato faz com que os níveis de vitamina D caiam, surgindo inúmeros sintomas.

Nesses casos, o uso de suplementos para complementar a alimentação é o mais indicado. O laboratório Gross, desenvolveu esse suplemento vitamínico, o Mildê, que tem formato em gotas, de uso oral. Sua embalagem contém 10ml, e a cada gota é equivalente a 1.000 UI de vitamina D.

A empresa reforça a importância de passar por um médico antes de começar a consumi-lo, para saber a quantidade indicada para cada caso e o tempo necessário de uso.
Compartilhar
Tags

Mais lidas

Recentes

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.